Elegendo idéias, engraçado ter que trabalhar com marketing de forma tão impensada como fiz nos últimos 4 anos.

Em pensar que já estudei projeto, tipografia, estava caminhando para gestalt do objeto, descobri um dos caminhos para semiótica pela geometria descritiva, andei pelos pastos de Skyrim enquanto admirava os lugares pensava em como uma civilização poderia ter feito aquilo com tanta perfeição e nem sequer há uma escola, ou filósofos presentes no jogo.
Arquitetura perfeita, mas sem passado, o passado daquilo é imaginário, mas ainda assim encantam como se fossem ruínas reais.

Com isso noto que mesmo em grandes projetos pode-se perder o conceito de bobeira esquecendo um detalhe, uma linha sequer sobre quem fez aquilo.
Claro que sei que a civilização ali foi totalmente extinta daquele plano indo para outro sem aviso prévio em outra versão mais antiga do jogo.

Penso como trabalhos grandes podem ser esquecidos, empresas falidas sem as pessoas que tanto adoraram um dia saberem, é como um Rockstar que some e ninguém sente falta até saber de sua morte ou novo empreendimento.
Note que mesmo você fazendo algo hoje para alguém pode ser esquecido no futuro, alterado para uma nova geração, ou simplesmente colocado em um pedestal, tanto para vergonha, como para glória.

Algo que já pensei uma vez, “gostaria de conversar com o primeiro ferreiro de toda história”, seria interessante saber seus pensamentos, planos, motivos, e depois acompanhar esta evolução de forma resumida, pois me tomariam alguns séculos de vida assistir tudo uahauhauahua.
Já pararam pra pensar em algo do tipo, algum ícone sem nome que gostariam de visitar e trocar umas ideias?

Anúncios